Após apreensões, motoristas do Uber fazem protesto em Campinas, SP

Após apreensões, motoristas do Uber fazem protesto em Campinas, SP


Seja um motorista da Uber, cadastre-se em http://ubr.to/2aaLL7e
Seja passageiro e faça primeira corrida grátis: www.uber.com/invite/eu8yhue


Um dia após cinco veículos serem apreendidos, motoristas do Uber fizeram um protesto em frente à Prefeitura de Campinas (SP), nesta tarde de terça-feira (25). De acordo com os condutores, cerca de 80 pessoas participaram do ato. Já para a Guarda Municipal eram 50.
Segundo um motorista, que preferiu não ser identificado, eles reivindicam a liberação do trabalho na região. "Nós resolvemos parar ante o boicote feito pela Emdec", afirma. As atividades do Uber começaram há nove meses na cidade, e continuam sem regulamentação.

Bloqueio no trânsito
Com faixas e cartazes com frases como "Se Uber sair a população vai sentir" e "Forjar flagrante é crime", eles bloquearam a pista externa da avenida Anchieta por 40 minutos. Segundo a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), o trânsito precisou ser desviado para a interna, o que gerou lentidão em vias próximas.

Os motoristas queriam uma reunião com o secretário de Transportes. No entanto, o encontro foi agendado, segundo a Prefeitura, para o dia 3 de novembro, às 11h. A administração disse ainda que as ações realizadas pela Emdec na segunda-feira se basearam em trabalhos de inteligência.

Fonte: G1